domingo, 19 de abril de 2009

Acervo da Teologia

*A Índia Real Que as Novelas Não Mostram


Uma imagem de pobreza nas ruas de Calcutá, Índia.


Algumas semanas atrás, iniciou-se uma novela da rede globo intitulada Caminho das Índias. Sinceramente não tive interesse nenhum em ler a sinopse para tentar entender do que se trata ou o que pretende mostrar esta novela, se é que novela tem algum objetivo definido.Mas algumas coisas me chamaram a atenção nas propagandas emitidas pela emissora durante a semana passada e ontem fui conferir. A emissora mostrou algumas vezes cenas com seus atores em um rio, o Rio Ganges, onde curiosamente flores boiavam no rio(onde na verdade é um depósito a céu aberto de cadáveres).


Outras cenas mostraram os lindos lugares da Índia, o Taj Mahal, algumas fortificações, mercados públicos, uma terra bela sem dúvida, com uma população de extremo valor e muito alegre, porém como sempre a realidade é maquiada pela Rede Globo.


Ainda está cedo para falar, não sabemos o desenrolar (e sinceramente não me interesso em saber) da história, mas mais uma vez a verdade, o mundo real é temperado de ilusão pela emissora que mostra uma fantasia.


Alguns dados sobre a Índia real:

A Índia é o segundo país mais populoso do mundo com mais de um bilhão de habitantes, e apesar de ser a décima segunda maior economia do mundo e a quarta maior em poder de compra e as reformas econômicas que a transformaram na segunda grande economia de mais rápido crescimento ainda possui 25 % da população vivendo abaixo da linha da pobreza, possui mais famílias pobres do que África, Ásia e América Central juntas .
A miséria, a falta de saneamento, serviços básicos como saúde e educação tornam a Índia um dos lugares onde se pode contrastar mais claramente a miséria e riqueza junta, dividindo o mesmo espaço.

A riqueza e luxo de cidades como Mumbai exibe um contraste enorme de seus edifícios suntuosos e uma periferia aonde se vive milhares de pessoas sobre o encanamento que alimenta a cidade, ali crianças crescem em meio à miséria, lixo e doenças, mas quero salientar que a Índia não é só pobreza, miséria e dor, é um lugar belo, de um povo feliz e que assim como todos nós tem seu valor.

Imaginem a Juliana Paes, a Vera Fischer ou o Toni Ramos passeando na podridão do Rio Ganges, pulando entre um cadáver em putrefação ou outro, ou se lavando nas escadarias imundas.
Depois,  ao voltar ao trabalho, a caminho do cenário luxuoso dos belos palácios, espantariam uns urubus que estavam comendo uma carcaça de vaca em decomposição ou um cadáver insepulto e insistiriam em posar com aquelas roupas lindas! Teriam que primeiro espantar o enxame de moscas teimosas a sua volta…
Prestem bem atenção: pouquíssimas pessoas, nestas fotos têm aparência saudável, de gente que come RAZOAVELMENTE BEM. São moradores da miséria, descendentes da exploração britânica, componentes de um país desigual e completamente desatento para os direitos humanos.
A Índia também tem disso!
image0012 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)
ADVERTÊNCIA :Contém fotos com conteúdo que pode chocar.
image0021 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image0031 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)
image0041 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image005 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image006 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image008 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image007 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image009 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image025 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image010 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image011 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image012 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image013 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image014 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image015 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image016 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image017 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image018 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image019 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image020 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image021 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image022 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image023 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image024 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image043 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image041 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image040 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image030 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image036 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image039 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image026 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image037 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)image042 ÍNDIA: Isso você não vai ver na Globo, é claro! (Imagens Chocantes)
Há mais de 2500 anos, Varanasi abriga o grande santuário da morte: o crematório de Marnikarnika Ghat. É neste local que, sobre as fumegantes piras de fogo sagrado, dia e noite dezenas de corpos desaparecem diante dos nossos olhos.
Situada nas margens do rio Gânges, Varanasi é também conhecida como Cidade da Luz e da Morte, sendo um importante centro de devoção ao Deus Shiva. Morrer e ser cremado neste local é auspicioso, significa a libertação dos ciclos da reencarnação.
Em Varanasi, porém, nem todos os corpos são cremados: os das crianças e dos sadhus (almas consideradas puras) são lançados ao rio, não se submetendo às chamas da purificação.
Essa Índia a Rede Globo não mostra.

Apresentei para você acima algumas imagens da Índia real que não é apresentada na novela, de pessoas que sofrem de gente que vive na miséria.

.............................................................................................................................

 

Enquanto uma novela conquista o público, difundindo o hinduísmo, a maioria dos telespectadores não tem noção da realidade dessa religião, que está por trás da maior parte das idéias da Nova Era.

Quando os deuses se enganam.

O que pensar de um deus que corta a cabeça de um menino por engano e em troca lhe dá uma cabeça de elefante? Deuses que se enganam são deuses vãos. Eles não são confiáveis. Mesmo assim, têm adoradores que se sacrificam por eles:

Na revista alemã Der Spiegel apareceu a história de um adolescente indiano de 16 anos que decidiu fazer uma oferenda singular ao deus Shiva[1]. Sua peregrinação ao templo Trinath em Rourkela, na Índia, durou dez semanas. “Você jamais será alguém na vida!”, costumava dizer seu pai. Aswini Patel andava sempre sozinho e não era muito popular na escola, nem entre as crianças da vizinhança. Em casa, ele tinha de escutar acusações constantes de ser pouco inteligente e preguiçoso. Finalmente, ele decidiu não ouvir mais as ordens de ninguém.

Ele decidiu que iria ouvir somente aos deuses. Aswini era especialmente fascinado por Shiva, o deus de muitos braços. Foi Shiva que, por engano, cortou a cabeça do filho de sua mulher. Em troca, deu-lhe uma cabeça de elefante. Assim surgiu um novo deus, chamado Ganesha. Essa história impressionou muito a Aswini.

No começo de maio de 2008, depois de uma viagem penosa, o jovem finalmente chegou ao templo cinzento de Shiva. Tirou uma lâmina de barbear de seu bolso, olhou bem para o pequeno deus de pedra e murmurou: “Senhor Shiva”. Aí estendeu sua língua e cortou um pedaço dela, depositando-o como oferenda ao lado da estátua do seu ídolo. Seu grito de dor chamou a atenção da esposa de um sacerdote, que o socorreu. Algum tempo depois, a polícia levou Aswini ao hospital, onde foi imediatamente operado.

Quando seu pai chegou no dia seguinte, só abraçou seu filho. Não o xingou nem o repreendeu pelo que tinha feito. Apenas disse que o rapaz era maluco e que tudo iria ficar bem. Os médicos explicaram que Aswini voltaria a falar em alguns meses e que o resto de sua língua iria se readaptar para articular as palavras.

A Bíblia deixa bem claro: “Que digo, pois? Que o sacrificado ao ídolo é alguma coisa? Ou que o próprio ídolo tem algum valor? Antes, digo que as coisas que eles sacrificam, é a demônios que as sacrificam e não a Deus; e eu não quero que vos torneis associados aos demônios” (1 Co 10.19-20).

É muito triste que um jovem de origem humilde tenha feito algo assim. Desprezado pelos conhecidos, impelido pelas religiões ao seu redor, movido pela esperança de uma vida melhor e em busca de atenção e afeto, Aswini se dispôs a um sacrifício dolorido. Mas, por trás desse gesto está toda a cruel realidade do demonismo, da fúria destrutiva de Satanás, de seu engano e de suas impiedosas mentiras.

O jovem fez uma longa viagem e se dispôs a sacrificar um pedaço de sua língua a um deus que, por engano, cortou a cabeça do filho de sua mulher, dando-lhe em troca uma cabeça de elefante. Que deus é esse que se engana dessa forma e nem percebe estar matando seu próprio enteado? Na verdade, esses ídolos não são capazes de coisa nenhuma, pois não podem absolutamente nada, nem mesmo agir por engano:


“No céu está o nosso Deus e tudo faz como lhe agrada. Prata e ouro são os ídolos deles, obra das mãos de homens. Têm boca e não falam; têm olhos e não vêem; têm ouvidos e não ouvem; têm nariz e não cheiram. Suas mãos não apalpam; seus pés não andam; som nenhum lhes sai da garganta. Tornem-se semelhantes a ele os que os fazem e quanto neles confiam” (Sl 115.3-8).
















O demonismo que está por trás dos ídolos é que impele as pessoas a atos tresloucados como o desse jovem indiano.

Muitos sofrem com compulsões demoníacas por buscarem sua salvação nos lugares errados, ao invés de procurarem auxílio em Deus, que se revelou em Jesus Cristo e quer ajudar a cada um em qualquer situação.Como é diferente desses falsos deuses aquilo que Pedro diz de Jesus: “Senhor, para quem iremos? Tu tens as palavras da vida eterna” (Jo 6.68).

Suas palavras poderiam ser transcritas assim: “Senhor, a quem poderíamos nos dirigir? Teria de haver alguém maior do que Tu! Mas não há ninguém. Tua grandeza suprema se mostra não em símbolos nem em sinais e milagres, mesmo que estes Te acompanhem, mas naquilo que Tu dizes e com o que Tu nos dás pela Tua Palavra. Tu tens as palavras da vida eterna, essa é a grande diferença.

Ninguém do mundo visível ou invisível pode tentar comparar-se contigo. Ninguém é mais importante, mais consistente ou mais significativo do que Tu, e ninguém pode dar o que Tu dás. Diante de Ti todos os grandes deste mundo somem na insignificância. Por isso, está fora de questão para quem iremos e a quem nos dirigiremos com todo o nosso ser”.

O demonismo que está por trás dos ídolos é que impele as pessoas a atos tresloucados.

No lugar de tentarmos ofertar alguma coisa a Deus tentando agradá-lO, foi Ele que se ofereceu em sacrifício através de Jesus Cristo (2 Co 5.18-19). Por meio desse sacrifício em nosso lugar recebemos o perdão dos nossos pecados e uma vida santificada, além de sermos considerados aperfeiçoados diante de Deus, em Jesus:

Perdão: “...agora... ao se cumprirem os tempos, se manifestou uma vez por todas, para aniquilar, pelo sacrifício de si mesmo, o pecado” (Hb 9.26).

Santificação: “Nessa vontade é que temos sido santificados, mediante a oferta do corpo de Jesus Cristo, uma vez por todas” (Hb 10.10).
Muitos sofrem com compulsões demoníacas por buscarem sua salvação nos lugares errados, ao invés de procurarem auxílio em Deus, que se revelou em Jesus Cristo e quer ajudar a cada um em qualquer situação.

Perfeição: “Porque, com uma única oferta, aperfeiçoou para sempre quantos estão sendo santificados” (Hb 10.14).


Quem aceita, de forma pessoal, pela fé, o sacrifício de Jesus, passa a usufruir de todo o agrado de Deus: “pois eles mesmos, no tocante a nós, proclamam que repercussão teve o nosso ingresso no vosso meio, e como, deixando os ídolos, vos convertestes a Deus, para servirdes o Deus vivo e verdadeiro e para aguardardes dos céus o seu Filho, a quem ele ressuscitou dentre os mortos, Jesus, que nos livra da ira vindoura” (1 Ts 1.9-10).


Acervo da Teologia

About Acervo da Teologia -

Author Description here.. Nulla sagittis convallis. Curabitur consequat. Quisque metus enim, venenatis fermentum, mollis in, porta et, nibh. Duis vulputate elit in elit. Mauris dictum libero id justo.

Subscribe to this Blog via Email :

2 comentários

Write comentários
e agora!?!?
AUTHOR
22 de abril de 2009 09:03 delete

A Paz do Senhor!
Eu já tinha visto essas fotos em um e-mail que recebi. Realmente chocantes; mas o fato da Globo não mostrar não impressiona mais. Conhecemos a intenção da Globo. Abraços em Cristo........visite
www.eagoradeusmeu.blogspot.com

Reply
avatar
sandrinha
AUTHOR
22 de maio de 2009 13:14 delete

que nojo eu nunca iria num pais assim!!!
isso é por que eles não conhecem JESUS nosso unico salvador!

Reply
avatar